quarta-feira, 9 de junho de 2010

Simples assim

Amor é uma coisa que a gente tem que escolher.
Se quer só dar ou só receber.
E tem escolher entre as coisas que a gente ama.
Escolher entre a carreira e o namorado.
Entre o namorado e os amigos.
Entre os amigos e a família.
Entre a família e a carreira.
Entre o que é bom para você ou para aqueles a quem você ama.
Às vezes, tem-se que escolher entre a esposa e a amante,
entre o passado e o presente,
entre a estabilidade e a aventura,
entre a razão e a emoção.
Às vezes a gente tem que escolher entre ter uma presença física ou espiritual.
E outras vezes a gente simplesmente não escolhe.
A gente ama, e pronto.
Mas não pode ter.
E pronto.

Nenhum comentário: